Como a Alimentação Consciente ‘Mindful Eating’ Pode Ajudar a Saúde

A forma COMO comemos, influencia nossa saúde e bem-estar tanto quanto O QUE comemos.

Alguma vez você já comeu lanches enquanto assistia TV ou no seu computador, e de repente reconheceu que você comeu tudo sem perceber?

Mesmo que você coma mais alimentos do que você precisa, você ainda pode não se sentir satisfeito, isso porque comer sem sentido leva a um consumo excessivo, com excesso de calorias.

Por isso, a forma de se alimentar, com a atenção voltada para esse momento pode trazer mais saciedade e nutrientes que seu corpo realmente necessita.

“Tornar-se mais consciente e consciente do que estamos comendo é o primeiro passo para fazer escolhas alimentares mais saudáveis …”

E há uma explicação cientifica para isso: depois de comermos, nosso intestino libera um péptido que envia um sinal ao nosso cérebro que não estamos mais com fome. Se consumimos alimentos com muita rapidez, esse processo não acontece rápido o suficiente para que nosso cérebro saiba parar de comer, então continuamos e geralmente comemos mais do que precisamos.

Uma abordagem mais consciente para comer deixará nosso intestino seguir seu curso natural.

Comece por diminuir a velocidade, para se tornar mais consciente da experiência de comer. Isso significa trazer toda a sua atenção e consciência para o processo de comer. Concentre todos os seus sentidos na refeição e tente perceber seus pensamentos, emoções e sensações físicas. Mesmo em apenas uma mordida consciente, podemos começar a notar um cheiro e/ou um gosto elevados.

A comida tem um retorno de prazer decrescente após a primeira mordida.

Quando comemos com mais atenção, podemos desfrutar melhor da nossa comida, nos sentimos mais satisfeitos com menos e parar de comer quando nos sentimos satisfeitos em vez de cheios passa a ser simples e fácil.

Essa forma de alimentação consciente também nos ajuda a abandonar a alimentação emocional ou relacionada ao estresse, além de proporcionar uma escolha alimentar mais saudável e ​que realmente nos nutre.

Um exercício de alimentação consciente: o gosto da atenção plena em apenas uma mordida

1. Respire

Tome um profundo suspiro, permitindo que você esteja presente no momento. Observe quaisquer pensamentos e tente abandonar os julgamentos que você possa ter sobre fazer este exercício. Tente envolver uma curiosidade inocente.

2. Observe

Antes mesmo da primeira mordida, segure o alimento na sua mão e apenas perceba. Veja a cor vibrante; o cheiro e imagine o sabor.

Observe cada detalhe, e pense como aquele alimento chegou até você, imagine como o sol e a chuva alimentaram a planta que cultivou este alimento e como seus nutrientes agora vão te nutrir.

3. Sabor

Coloque o alimento em seus lábios e imagine seu gosto antes da primeira mordida.

Observe como você se sente bem antes da primeira mordida. A sua boca começa a salivar?

Se sim, então aprecie que este seja o início do processo digestivo. Nossos corpos começam a se preparar para se alimentar mesmo antes da primeira mordida. Pergunte a si mesmo: “Estou com fome?”

4. A Primeira Mordida

Antes de mastigar, observe sua textura e gosto na sua boca. É doce, salgado, suculento, azedo?

5. Aprecie o sabor lentamente

Comece a mastigar lentamente.

Como o sabor muda? Isso se intensifica?

Que pensamentos, emoções, sensações físicas surgem à medida que você vai mastigando.

Esteja ciente de quão agradável é e mesmo que parece redundante, saboreie o sabor.

6. Engolir

Quando estiver pronto, engula este primeiro pedaço.

A ingestão é algo que muitas vezes fazemos inconscientemente e automaticamente. Concentre-se em seus pensamentos, sentimentos e sensações sem julgamento. Aprecie como este alimento está enviando todos esses nutrientes vitais para seu corpo durante a alimentação.

7. Coma com atenção plena

Continue a comer com atenção. Observe a diferença na segunda, terceira e talvez quarta mordida.

Seja uma fruta, um legume, uma verdura ou até mesmo uma proteína.

Quando você começa a sentir prazer, satisfação e saciedade?

À medida que você come esta semana, tente continuar a praticar esses princípios alimentares conscientes.

Mesmo uma refeição consciente é um bom começo.

Você não precisa gastar muito tempo com cada mordida, mas tentar trazer o mesmo tipo de consciência para cada refeição pode ser uma experiência poderosa.

Esta é uma prática a ser cultivada ao longo do tempo, e com cada experiência consciente, suas habilidades serão mais fortes. Ao longo do tempo, comer com atenção será natural e promoverá escolhas saudáveis ​​e nutrição para sua mente e seu corpo.

Quais alimentos vai escolher para este primeiro exercício?

Adpatado de Ornish Living

Dr. Cristiano Miranda

Cardiologista pós-graduado em Medicina Esportiva e Psicologia, e idealizador do programa Cardiocoach para melhora de desempenho esportivo e da qualidade de vida.

Leave a Reply

Agendar Consulta Agora